Usuários online


CIDADE DE GOIÁS

Goiás é um dos importantes marcos da penetração dos bandeirantes em terras goianas . Destaca-se a cerâmica utilitária e decorativa como sua principal produção. O município é cortado por três rios que formam pequenas praias. A Cidade de Goiás, município conhecido também como Goiás Velho está a 136 km de Goiânia. A rodovia de acesso a Cidade de Goiás é a Go-070. Sua população é de 27.120 habitantes. A riqueza do local é tamanha que a cidade foi tombada pela Unesco como Patrimônio Cultural da Humanidade.
O 8º Subgrupamento de incêndio foi criado pela portaria n.º008/00-BM/1 QCG, em Goiânia-GO, 19 de janeiro de 2000. A área de atuação do Subgrupamento é:

...... ......

Viaturas Operacionais:
Unidade de Resgate UR -044
Auto Salvamento Náutico ASN - 024
Auto Salvamento Náutico ASN - 05(Toyota
)

Links

Simulação de resgate e socorro .. Trabalho Educacional


Histórico

A Criação do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás teve seu início, em 05 de novembro de 1957, com o deslocamento de 11(onze) militares para o Estado de Minas Gerais, com a finalidade de freqüentarem um curso de Bombeiros com duração de 08 (oito) meses.Em 17 de dezembro de 1958 foi editada a Lei n. º 2.400, que criava uma Companhia de Bombeiros, transferindo-se posteriormente para uma edificação na Av. Anhanguera, próximo ao Lago das Rosas. Em 1963, mudou-se para a Rua 66 n. º 253 centro. Naquela época o seu trem de socorro era composto de apenas 01 (um) Auto Bomba Tanque (ABT), tipo Thames 2.000 e 01 (uma) viatura Pirsch – Auto pó Químico, ambos doados pelo Governador Carlos Larceda, então Governador do Rio Janeiro. Pela Lei n. º 5442, de 10 de novembro de 1964, a Companhia de Bombeiros passou a denominar-se Corpo de Bombeiros, com o efetivo de Batalhão. Em 14 de novembro de 1967, o Corpo de Bombeiros recebeu a estrutura de Batalhão. Com base na Lei n. º 8125, de 18 de dezembro de 1976, Art. 2º, 3º, 9º e 11, combinado com o Decreto n. º 1936, de 27 de agosto de 1981, baixou-se a Portaria nº 04/81 criando no Corpo de Bombeiros os seguintes órgãos:
- Comando do Corpo de Bombeiros (CCB);
- Grupamento de Incêndio (1ºGI);
- Seção de Combate a Incêndio (1ª SCI), com sede no Aeroporto Santa Genoveva;
- Seção de Combate a Incêndio (2ª SCI), com sede em Campinas;
- Seção de Combate a incêndio (3ª SCI) com sede na Cidade de Anápolis-GO;
- Seção de Combate a Incêndio (4ª SCI), na cidade de Itumbiara-GO;
Em 1985 foi criada a Seção Contra Incêndio – SCI, na Cidade de Rio Verde.
Pela Constituição Estadual, promulgada em 05 de outubro de 1989, o Corpo de Bombeiros passou a constituir–se numa Corporação independente e autônoma, com as seguintes missões:
I - a execução de atividades de defesa civil;
II - a prevenção e o combate a incêndios e a situações de pânico, assim como ações de busca e salvamento de pessoas e bens;
III - o desenvolvimento de atividades educativas relacionadas com a defesa civil e a prevenção de incêndio e pânico;
IV - a análise de projetos e inspeção de instalações preventivas de proteção contra incêndio e pânico nas edificações, para fins de funcionamento.

Em 1º de janeiro de 1990 o Governador do Estado nomeou o 1º Comandante Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Goiás, CEL QOBM Pedro Francisco da Silva, determinando-lhe envidar esforços para a estruturação do Corpo de Bombeiros. Assim, foi criada e implementada uma nova Corporação, denominada Corpo de Bombeiro Militar do Estado de Goiás, com orçamento próprio, partindo-se a seguir, para a elaboração da legislação, com o encaminhamento de projetos de leis e decretos, iniciando-se o processo de criação das Unidades Operacionais na Capital e Interior do Estado, destacando-se:
- Em outubro de 1989, implantação do Quartel do Comando Geral, na Av. Anhanguera nº6750, Setor Aeroporto;
- Em setembro de 1990, implantação do 2º GI que é transferido para a Av. 24 de outubro no Setor Aeroviário;
- Em 1990 após a emancipação do CBMGO, o então 4º BPM Anápolis torna-se o atual 3º GI;
- Em 1990, implantação e criação do 2º SGI, na cidade de Rio Verde, que em 2000 se tornou 4º GI;
- Em outubro de 1993, implantação da 3ª SCI em Jataí-GO, transformada em 3º SGI, em março de 1997;
- Em fevereiro de 1997, ativação e implantação do 4º SGI, na cidade de Caldas Novas.
- No ano de 1999, tivemos a criação e ativação do 5º SGI na cidade de Catalão;
- Em dezembro de 1999 há a ativação do 6º SGI na cidade de Luziânia;
- Em fevereiro de 1999, ativação do 7º SGI, na cidade de Mineiros;
- Em junho de 1999 a criação e ativação do CTE (Centro Técnico de Ensino) para a formação, aperfeiçoamento e especialização de Oficiais e Praças;
- A partir de 04 de Fevereiro de 2000, o Comando Geral do CBMGO se transferiu para o Palácio da Segurança Pública, situado na Av. Anhanguera, nº 7364 - Setor Aeroviário, e o antigo Comando Geral do CBMGO se transformou no Quartel Lago das Rosas (sede da Diretoria de Saúde, Gerência de Apoio Logístico, Grupo de Resgate Pré-hospitalar, e Centro de Operações do Corpo de Bombeiro).
- Em março de 2000, criação e ativação do 8º SGI, na cidade de Goiás, ainda em processo de ativação;
- Em março de 2000 a cidade de Minaçu foi escolhida para sediar o 10º Subgrupamento de Incêndio.
- Em março de 2000, criação do 2º SGI Aparecida de Goiânia;
- Em abril de 2000, criação e ativação do 9º SGI na cidade de Senador Canedo;
- Em maio de 2000, criação do 11º SGI na cidade de Pirenópolis e, ainda em processo de ativação;
- Em 2001, criação dos 12º, 13º, 14º e 15º SGI em Santa Helena, Goianésia, Porangatu e Trindade respectivamente, a Unidade de Santa Helena (12º - SGI) estava em processo de ativação;
- Em novembro de 2002, em decorrência da Lei Nº14.383, de 2002 o Centro Técnico de Ensino, passou a ser Gerência de Ensino Bombeiro Militar;
- Em 2002, pela Lei nº 14.383 de 31/12/2002, são criados: a Diretoria de Defesa Civil, a Diretoria de Apoio Administrativo e Financeiro, o 1º Comando Regional Bombeiro Militar (Área Metropolitana) e o 2º Comando Regional Bombeiro Militar (Interior).
- Em 2003, por ato do Secretário de Segurança Pública foram ativadas a Diretoria de Defesa Civil e a Diretoria de Apoio Administrativo e Financeiro;
- Em dezembro de 2003, criação e implantação do 16º SGI, na cidade de Formosa;
- Em junho de 2004, criação e implantação do 17º SGI, na cidade de Jaraguá;
- Em 2004, é ativado o 1º Comando Regional Bombeiro Militar;
- Em janeiro de 2005, criação e implantação do 6ºSGI, no Parque Ecológico.
- Em março de 2005, inicia-se os procedimentos para criação da Sub Unidade Operacional em Palmeiras de Goiás;
- Em 15 de julho de 2005, a Lei Nº 15.254, cria uma Sub Unidade Operacional na cidade de Palmeiras de Goiás;
- Em julho de 2005 o 1ºSGI em Itumbiara foi transformado no 6ºGI, ficando o Quartel do Parque Amazonas que era Companhia de Incêndio do 1ºGI, com a denominação de 1ºSGI;
- Em 29 de setembro de 2005, a portaria n° 443/2005-SSPJ cria a Sub Unidade Operacional na cidade de Niquelândia.




Página em Construção